segunda-feira, 30 de abril de 2012

Zelo Sem Conhecimento?

Zelo Sem Conhecimento?
Romanos 10:1-13.
Introdução:
A.      Um dos aspectos mais importantes da vida humana é o conhecimento.
B.      Quem não tem conhecimento, assemelha-se a um cego; o caso é que existem muitos cegos que têm bastante sabedoria, e por isso, consegue "enxergar" melhor do que muitos que não são cegos.
C.      Alguns exemplos que mostram a importância do conhecimento:
1)      Um celular – De nada adiante ter um celular na mão, se não sabemos como ele funciona.
2)      Um computador – É uma máquina maravilhosa, mas se não tivemos conhecimento sobre o seu funcionamento, de nada nos servirá.
3)      Um avião – É outra máquina maravilhosa, mas nas mãos de uma pessoa que não sabe pilotá-lo é uma engenhoca totalmente inútil.
4)      Uma enfermidade simples, como uma diarreia – Há cerca de trinta anos, uma simples diarreia causava a morte de milhares de crianças no Brasil, até que os médicos descobriram que um simples copo de água limpa, duas pitadinhas de açúcar e uma de sal, eram suficientes para salvar essas vidas.
5)      Os países desenvolvidos – Hoje todo mundo sabe que para um país ser desenvolvido, o seu povo precisa ter educação, instrução e conhecimento.
Trans: Hoje eu quero falar exatamente sobre conhecimento, pois no texto que li, nós encontramos o apóstolo Paulo preocupado com a falta de entendimento do seu povo; a falta de conhecimento mais importante que existe: O espiritual.

I. Paulo fez uma análise sobre a situação espiritual do seu povo e chegou a sérias conclusões - Vs. 1-2:
A.     A Primeira Conclusão – O povo necessitava urgentemente de Salvação – V. 1 - Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles são para que sejam salvos. 
1)      Essa preocupação do apóstolo subtende que aquele povo estava perdido.
2)      É importante dizer que poucas pessoas conheciam tão bem o povo judeu, como Paulo:
1.      Homem inteligente e culto.
2.      Como fariseu que fora, conhecia muito bem a elite religiosa e cultural do seu país.
3.      Agora, como pregador do Evangelho, transitava e conhecia muito bem o povão, as massas, as classes menos favorecidas.
3)      Então ele parou e analisou a situação espiritual do povo e a primeira conclusão foi essa – O povo estava perdido, portanto,  necessitando de Salvação - V. 1 - Irmãos, a boa vontade do meu coração e a minha súplica a Deus a favor deles são para que sejam salvos. 
B.      A Segunda Conclusão – O povo era muito zeloso na sua religiosidadeV. 2a. - Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus.
1)      Notem que Paulo reconheceu o zelo religioso do povo.
2)      É notável perceber que normalmente o homem é um ser religioso.
3)      Querem alguns exemplos?
1.      O jovem rico que foi ter com Jesus – Lucas 18: 20-21 - Sabes os mandamentos: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, honra a teu pai e a tua mãe. Replicou ele: Tudo isso tenho observado desde a minha juventude.
2.      O fariseu que foi ao templo orar – Lucas 18: 11-12 - O fariseu, posto em pé, orava de si para si mesmo, desta forma: Ó Deus, graças te dou porque não sou como os demais homens, roubadores, injustos e adúlteros, nem ainda como este publicano; jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo quanto ganho.
3.      Nicodemos – João 3:1 - Havia, entre os fariseus, um homem chamado Nicodemos, um dos principais dos judeus. 
4.      Os povos que habitam as regiões mais remotas da terra – Todos eles têm as suas próprias cerimônias religiosas.
5.      Todos os países civilizados também têm suas práticas religiosas:
a)      Os americanos.
b)      Os europeus.
c)      Os asiáticos.
d)      Os africanos.
6.      O nosso país – Cerca de 90% dos brasileiros se dizem cristãos – Há pelo menos um santo de devoção para cada dia do ano.
7.      A nossa região Nordeste – Poucos povos são tão religiosos como o nordestino.
8.       A nossa cidade – Frutuoso Gomes – Você já observou quantas “Igrejas” existem aqui?
4)      Como disse Paulo - V. 2a. - Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus.
C.      A Terceira Conclusão – O povo não tinha entendimentoV. 2b. - Porém não com entendimento. 
1)      É importante ter zelo, devoção e responsabilidade? Claro que é – Deus diz assim - Apocalipse 3:19 - Eu repreendo e disciplino a quantos amo. Sê, pois, zeloso e arrepende-te. 
2)      Todavia, zelo sem conhecimento, não tem nenhum valor.
3)      Vejam alguns exemplos de como é possível ter zelo religioso, mas sem entendimento:
1.      Saulo de Tarso – Filipenses 3:5-6 - Circuncidado ao oitavo dia, da linhagem de Israel, da tribo de Benjamim, hebreu de hebreus; quanto à lei, fariseu, quanto ao zelo, perseguidor da igreja; quanto à justiça que há na lei, irrepreensível.
2.      Os mulçumanos – Em nome do zelo religioso, são capazes de matar e de morrer.
3.      Os indianos – Adoram centenas de deuses, inclusive, a vaca.
4.      Os católicos romanos – Põem um andor nos ombros e saem pelas ruas, adorando seus “santos”.
5.      No meio evangélico - Há muitas pessoas zelosas e bem intencionadas, mas que sinceramente não têm entendimento – Exemplos: Os que seguem, cegamente os seus líderes.
D.     Paulo descreveu tais pessoas assim – V. 2 - Porque lhes dou testemunho de que eles têm zelo por Deus, porém não com entendimento.  
II. O que acontece quando uma pessoa tem zelo religioso, mas não tem entendimento? – V. 3:
A.     Ela desconhece o plano de Salvação de DeusV. 3a. - Porquanto, desconhecendo a justiça de Deus.
1)      Dois exemplos de pessoas zelosas, mas que não conheciam o plano de Salvação de Deus:
1.      O jovem rico que foi falar com Jesus:
a)      Observem o diálogo que ele teve com Jesus - Lucas 18: 20-21 - Sabes os mandamentos: Não adulterarás, não matarás, não furtarás, não dirás falso testemunho, honra a teu pai e a tua mãe. Replicou ele: Tudo isso tenho observado desde a minha juventude.
b)      Mas notem, como ele não sabia nada sobre o plano de salvação de Deus - Lucas 18:18 - Certo homem de posição perguntou-lhe: Bom Mestre, que farei para herdar a vida eterna? 
2.      Nicodemos, o grande líder dos judeus:
a)      Jesus lhe falou sobre a necessidade do novo nascimento – João 3:3 - A isto, respondeu Jesus: Em verdade, em verdade te digo que, se alguém não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. 
b)      Mas ele mostrou total ignorância sobre o novo nascimento:
a.      Nicodemos perguntou a Jesus - João 3:4 - Perguntou-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Pode, porventura, voltar ao ventre materno e nascer segunda vez?   
b.      E Jesus mostrou como o grande líder dos Judeus, era ignorante quanto à salvação - João 3:10 - Tu és mestre em Israel e não compreendes estas coisas? 
B.      Ela busca a salvação por seus próprios méritosV. 3b. - E procurando estabelecer a sua própria. 
1)      Pessoas zelosas na sua religiosidade, mas sem conhecimento, pensam que têm merecimento diante de Deus.
2)      O fariseu que foi ao templo orarLucas 18:11-12 - O fariseu, posto em pé, orava de si para si mesmo, desta forma: Ó Deus, graças te dou porque não sou como os demais homens, roubadores, injustos e adúlteros, nem ainda como este publicano;  jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo quanto ganho.
C.      Ela rejeita a salvação que foi idealizada por Deus – V. 3c. - Não se sujeitaram à que vem de Deus. 
1)      Vocês são observaram como pessoas muito devotas, mas que não têm conhecimento fazem coisas absurdas:
1.      Os mulçumanos seguem a doutrina de Maomé.
2.      Os indianos adoram a vaca e chamam-na de mãe. Imaginem, no Brasil, dizer que a mãe de alguém é uma vaca!!!! Isso daria cadeia.
3.      Os católicos romanos se ajoelham diante de uma imagem de gesso e adoram-na.
4.      Certos evangélicos creem que pastor tal e igreja tal curam.  
2)      Como diz Paulo, elas não se sujeitam à justiça que vem de Deus.
III. Onde Está O Verdadeiro Conhecimento Acerca de Deus e Da Salvação? – V. 8:
A.     Parece que Paulo foi questionado sobre isso, onde encontrar o verdadeiro conhecimento espiritualV. 8a. - Porém que se diz?
B.      Como se alguém dissesse: Tudo bem Paulo, você disse que nós não temos conhecimento – Então nos diga: Onde está o conhecimento? – Paulo respondeu – V. 8b. - A palavra está perto de ti, na tua boca e no teu coração; isto é, a palavra da fé que pregamos
1)      O problema dos religiosos é a falta de conhecimento das Escrituras Sagradas.
2)      Mesmo entre os crentes, a Bíblia não está sendo pregada e  não está sendo lida.
C.      Mas é a Palavra de Deus que dá o conhecimento que o homem precisa – Como disse Jesus - João 8:32  - E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. 
D.     Satanás sabe tão bem disso, que usa de todos os meios para que o pecador não conheça a Palavra de Deus 2 Cor. 4:3-4 - Mas, se o nosso evangelho ainda está encoberto, é para os que se perdem que está encoberto, nos quais o deus deste século cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, o qual é a imagem de Deus.
IV. Qual é A Essência do Conhecimento do Evangelho? – Vs. 4, 9-13:
A.     Salvação somente por Jesus CristoV. 4 - Porque o fim da lei é Cristo, para justiça de todo aquele que crê. 
B.      Salvação para quem confessa com a boca o nome de Jesus e crê com o coraçãoVs. 9-11 - Se, com a tua boca, confessares Jesus como Senhor e, em teu coração, creres que Deus o ressuscitou dentre os mortos, serás salvo. Porque com o coração se crê para justiça e com a boca se confessa a respeito da salvação. Porquanto a Escritura diz: Todo aquele que nele crê não será confundido.
C.      Salvação disponível a todos os pecadoresVs. 12-13 - Pois não há distinção entre judeu e grego, uma vez que o mesmo é o Senhor de todos, rico para com todos os que o invocam. Porque: Todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.
Conclusão:
1.      É necessário pregar, estudar, ouvir, ler e praticar a verdadeira Palavra de Deus, o Evangelho de Jesus Cristo.
2.      O zelo religioso sem o conhecimento da Palavra de Deus tem afastado muita gente de Deus.
3.      Afinal de contas, religiosidade sem espiritualidade, não tem para Deus, valor nenhum.
4.      Pense assim: Não ter conhecimento é o mesmo que caminhar numa estrada dominada pela escuridão; nesse caso, necessita-se de uma lâmpada bastante forte e eficaz. Essa lâmpada é a Palavra de Deus - Salmos 119:105 - Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e, luz para os meus caminhos. 
Pr. Hiramar Paiva – Sermão pregado no templo da Igreja Batista Emanuel – Frutuoso Gomes/RN – Domingo, 29 de abril de 2012.

Um comentário:

DEIXE AQUI SEUS COMENTÁRIOS